Angola vai acolher, de 15 a 17 de Novembro próximo, a primeira conferência e exposição de petróleo e gás, que vai reunir no país os dezoito membros da Associação Africana de Produtores de Petróleo (APPA, em inglês), para discutir os principais desafios do sector.

O evento terá o suporte institucional do ministério angolano dos petróleos, através do titular da pasta, José Maria Botelho de Vasconcelos e do presidente executivo da APPA, Mahaman Laouan Gaya.

Fazem parte da Associação Africana de Produtores de Petróleo Argélia, Angola, Benin, Camarões, Congo, RepúblicaDemocrática do Congo, Côte D'Ivoire, Egipto, Guiné Equatorial, Gabão, Gana, Líbia, Mauritânia, Níger, Nigéria, África do Sul, Sudão e Tchad, que juntos vão discutir questões relacionadas à indústria petrolífera e encontrar soluções que estimulem o desenvolvimento industrial através do aumento da capacidade local.

O evento vai incluir uma conferência de dois dias com um evento de comércio localizado, pré-evento de visitas técnicas ede formação, bem como acções de relações de trabalho.

Recorde-se que APPA foi fundada há fundada há 30 anos, na cidade de Lagos, Nigéria, com o objectivo de promover iniciativas comuns e projectos em matéria de políticas e de estratégias de gestão em todos os domínios da indústria petrolífera.